Peeling de Cristal

Sobre o tratamento

peelingPeeling de cristal ou microdermoabrasão

Esse tipo de peeling é físico, ou seja, causa uma esfoliação mecânica da pele com o auxílio de um aparelho com sistema a vácuo que promove a pulverização de cristais de óxido de alumínio sobre a área a ser tratada.
A esfoliação progressiva da superfície cutânea feita pelos microcristais remove as células mortas da camada mais superficial da pele deixando a pele mais lisa, fina e macia. Também estimula a produção de colágeno.
Esta reação abrasiva aumenta a penetração e potencializa a ação das medicações tópicas – tanto aquelas utilizadas pelo paciente em casa, quanto àquelas aplicadas pelo dermatologista durante o próprio procedimento. Por isso é possível associar o peeling de cristal a peelings químicos.

Após a avaliação do paciente, determina-se o número de sessões necessárias, que pode variar de três a 10, e o intervalo entre elas.
São várias as indicações: tratamento de acne, manchas, estrias, cicatrizes de acne, fotoenvelhecimento e rugas finas. Em muitos casos pode-se associar a outros tratamentos como peelings químicos, LASER, luz intensa pulsada, radiofreqüência e terapia fotodinâmica.

*A realização deste procedimento somente ocorrerá após consulta dermatológica, devido às particularidades de cada paciente.