Cauterização

Sobre o tratamento

Aeletro-2 cauterização, eletrocauterização ou eletrocoagulação é o processo utilizado para destruir o tecido utilizando-se corrente elétrica através da passagem desta por uma ponteira que cauteriza (queima ou destrói) o tecido.
É um procedimento seguro e utilizado de forma rotineira em cirurgias para queimar os tecidos indesejáveis ou nocivos e para controle de sangramentos. Para tratamentos específicos, existem ponteiras de diversos tipos, formas e tamanhos.
A eletrocoagulação é utilizada para remoção de pequenas lesões benignas de pele (ceratoses, fibromas, etc.), verrugas, vasos visíveis e câncer de pele.  O procedimento normalmente requer anestesia local e deixa uma crosta com cicatrização em 2 a 4 semanas. Procure um dermatologista do Cepelle e descubra se ela é uma opção para o seu problema.
*A realização deste procedimento somente ocorrerá após consulta dermatológica, devido às particularidades de cada paciente.

Cuidados após Procedimento

O curativo deve ser mantido por pelo menos 12 horas. Haverá a formação de uma crosta escura no local da cauterização. Deve-se proceder a higiene habitual durante o banho. É necessário ter o cuidado de não usar esponjas ou buchas e enxugar a pele com delicadeza, para não remover a crosta antes do tempo; ela deve cair espontaneamente quando a pele já estiver cicatrizada. O uso de cremes, pomadas e curativos ficará a critério de seu dermatologista, dependendo da área tratada.